di passaggio 1

Paraty, di passaggio – Fotoviajante

Olá Amiguinhos! Tudo bem? Finalmente nosso primeiro post oficial de 2013, posto que como todos nós sabemos, no Brasil o ano começa mesmo após o carnaval…

E em função desse clima de carnaval, confesso para vocês: eu pretendia gravar o episódio 08 do Fotoviajante, mas…não rolou! Eu não estava no clima, e eu senti que existe melhor época para mostrar Paraty em um episódio, do que no carnaval! Mas aproveitei para fazer uma nova proposta de vídeo (e até de fotos! Usei filtro do Lightroom pasmem!), e espero que vocês curtam ela!

Paraty é uma cidade envolvente em muitos sentido e possui atividades certas para todos os gostos! Natureza, cultura, gastronomia! Tudo ali, pertinho, fácil e para minha surpresa, por um preço muito justo!

DIÁRIO DE BORDO (fotos na page do FACEBOOK)

A viagem 

Minha companheira de viagem desta vez foi minha amiga de loooooonga data a Melissa, que como eu, estava precisando muito de férias! Nossa viagem começou em Curitiba (chovendo claro) onde pegamos a BR 116 sentido São Paulo. Basicamente você pode ir por Santos (pega a Imigrantes desde São Paulo), onde o visual é muito mais bonito, ou dar uma volta e descer por Taubaté. Como era véspera de feriado, nos pareceu mais seguro ir por Taubaté. Rodamos 150Km a mais, mas pelas condições excelentes das estradas pedagiadas em SP…foi muito rápido!

Apenas um comentário quanto à sinalização nas estradas de SP: ajudaria muito se colocassem o destino da estrada indicada. Ou seja, Pres. Dutra, Anhanguera, Imigrantes, etc poderiam vir acompanhados de RJ, MG, Santos. Aposto que um paulista teria dificuldades em saber que a “estrada da Graciosa” liga Curitiba com o litoral do PR. Fica a dica!

Centro Histórico de Paraty – “esquina do mundo”

Não é à toa que as pessoas se apaixonam por Paraty! Quando entramos no centro histórico parece que estamos em outra época. Sim, o fato de carros não conseguirem andar por lá ajuda muito nisso, mas a arquitetura dos casarões é sensacional! Os detalhes arquitetônicos, as portas, símbolos em fechaduras… tudo muito interessante!

Mas o que mais me agradou de cara foi a maneira como as pessoas nos recebiam! Fazia tempo que não via gente tão…CORDIAL! As pessoas eram simplesmente simpáticas e muto educadas!

O Centro Histórico de Paraty deveria se chamar na prática Centro Cultural de Paraty. É muito curioso ver como o comércio é formado por uma diversidade cultural enorme! Paulistas, cariocas, mineiros, gauchos… e muitos estrangeiros! Parece aquela esquina de bairro, onde todos se encontram.

E lá você pode conhecer a história do lugar, na Casa da Cultura de Paraty, fazer compras nas diversas lojas de roupas, decoração, ateliers de pintura e claro, comer muito bem (mas bem mesmo!).

Atividades em Paraty

Paraty possui uma centena de praias, das mais agitadas às mais sossegadas! Mas todas com uma água morna e transparente! Mesmo com o longo período de chuvas – que acabou claro com nossa chegada – a água continuava limpinha e com temperatura agradável!

Você pode pegar um barco e fazer passeios pelas ilhas da região. Nós fizemos um passeio de 6 horas por R$ 52 com almoço. Vale muito a pena!

Também é imperdível fazer os passeios pelas cachoeiras da região. Você pode fazer passeios de jipe, ou como no nosso caso, de “Kombi psicodélica” – esse foi o apelido que demos para a Kombi do Hostel, pintada no melhor estilo Magical Mystery Tour dos Beatles.

Fizemos um passeio de 6 horas por R$ 40, onde visitamos além das cachoeiras, uma fazenda, um alambique e o parque Mini Estrada Real – que confesso ter me parecido algo muito besta pelo que havia visto na internet, mas acabei conhecendo um trabalho incrível de um mineiro de Tiradentes!)

Ah…o carnaval

Bem, se você é dos meus, e odeia carnaval na muvuca, Paraty é uma excelente opção! Você pode curtir as atividades de dia, e sair atrás de um bloco de carnaval de rua com bonecos muito engraçados (ou o tradicional Bloco da Lama na praia de Jabacuara) e voltar cedo pro hotel! Sem gente bêbada e desagradável. Tudo muito família e alto astral!

Bom, chega de papo! Assistam o vídeo, vejam as fotos e quem tiver oportunidade de visitar Paraty…não perca!

Até a próxima!

Imagens: Pablo D Contreras

Gravado com Canon 5DMK3 e Panasonic TS3.

Confira também no instagram (@fotoviajante)

You Might Also Like

1 Comment

  • Nina says: February 15, 2013 at 1:48 pm

    bem q eu devia ter pensado em Paraty pro carnaval tbm!
    Adorei o filme, e o Jack sparow!!
    Boa Pablito!!

    Reply
  • Leave a reply